10 Remédios Naturais para seus Animais de Estimação Reviewed by Vida sustentável on .   Não basta ser ecológico, natural e sustentável, temos que levar quem está ao nosso lado para o mesmo caminho. Quem melhor que os nossos animais de estima   Não basta ser ecológico, natural e sustentável, temos que levar quem está ao nosso lado para o mesmo caminho. Quem melhor que os nossos animais de estima Rating:
Você está aqui:Home » Modo de Vida » 10 Remédios Naturais para seus Animais de Estimação

10 Remédios Naturais para seus Animais de Estimação

10 Remédios Naturais para seus Animais de Estimação

 

Não basta ser ecológico, natural e sustentável, temos que levar quem está ao nosso lado para o mesmo caminho. Quem melhor que os nossos animais de estimação para levarmos juntos nesse caminho verde. Como já vimos em um artigo anterior como fazer ração caseira e natural para seu cão,  agora  iremos ver alguns remédios básicos que você pode usar em seus animais, dando uma qualidade de vida melhor, sem o auxílio de produtos químicos sintéticos.

 

Pulgas

As pulgas não gostam dos cítricos, torne a pele do seu animal de estimação desagradável esfregando  uma pequena quantidade de limão ou suco de laranja e as pulgas vão procurar outra moradia.

Esses insetos  não gostam de água, como outros insetos ele respira pela pele e a água pode ser letal. Mergulhe seu animal de estimação em uma banheira de água e lave bem, um shampoo ou detergente líquido natural podem ajudar.

Dê em seu cão ou gato um banho de borra de café, isso pode ajudar a matar pulgas sem causar danos a saúde do animal, veja mais em aprenda algumas formas de reutilização da borra de café.

Carrapatos

O óleo essencial de gerânio é bem sucedido para repelir carrapatos de cães, aplique algumas pinceladas à coleira do seu cão e os carrapatos não vão chegar perto. Não é recomendado para uso em gatos.

Irritação na Pele

O chá de camomila é ótimo para aliviar irritações da pele. Faça o chá, coloque-o em um frasco spray na geladeira, e aplique na pele de seus animais de estimação.

Recuperação de diarreia e vômito

Bebidas com eletrólitos (Powerade, Gatorade, etc), podem ajudar um cão doente a recuperar os fluidos necessários depois de um surto de diarreia ou vômitos.

Barriga do bem

Assim como as pessoas, animais de estimação  podem ter problemas de estômago, principalmente ao ingerir medicamentos durante um tratamento. Um pouco de iogurte  com culturas ativas no jantar vai ajudar o estômago a ficar novo.

Irritação nos olhos

Se os olhos do animal de estimação  parecem irritados ou infectados, um  chá morno de camomila pode ser usado para acalmá-los.

Entorses e Distensões musculares

O seu cão, de repente mancando pode estar com uma distensão ou torcido, por isso é hora de usar o sal de Epsom . Adicione ½ xícara de sal Espom para um banho quente e deixe o seu cão de molho por cinco minutos, duas vezes por dia. Se o seu cão não concorda com você sobre este método, você pode mergulhar um pano no sal e água morna e aplicar apenas  no local.

Problemas urinários

Gatos são naturalmente propensas a problemas de bexiga e uretra. Se o seu caso é  esse, use suco de cranberry sem açúcar.  O Cranberry aumenta a acidez da urina resultando numa probabilidade reduzida de bloqueios ou de infecções. Você pode adicionar pó para suco de cranberry, na comida ou cranberry na água, ou dar ao seu gato uma cápsula de cranberry. Pergunte ao seu veterinário sobre doses adequadas.

Problemas Intestinais

Em animais mais velhos, a digestão pode ficar um pouco irregular. Se o seu animal de estimação está mais sensível do que o habitual, parece estar forçando, e faz tentativas de evacuar frequentes, a constipação pode ser o problema. Adicionando ameixas picadas pode resolver, outra saída é experimentar misturar uma colher de sopa de leite de magnésia na alimentação.

Se comer o que não devia

Cães comem qualquer coisa, e há muitas coisas que os gatos não devem comer, por isso, se seu animal de estimação engoliu algo tóxico, você pode usar o peróxido de hidrogênio para induzir o vômito. Dê-lhes uma colher de chá por cinco quilos de peso corporal, e repetir uma vez, se necessário.

Não esqueça, antes de usar qualquer produto em seu animal,  sobre doses adequadas e tratamento . consulte seu veterinário.

[Fonte][Foto]

Voltar para o topo