Novo Bioplástico Biodegradável feito de Camarão Reviewed by Vida sustentável on . Quitina, um biopolímero, é um material resistente, leve, que compõe o exoesqueleto e asas de insetos. Agora, cientistas do Instituto Wyss para Engenharia Biológ Quitina, um biopolímero, é um material resistente, leve, que compõe o exoesqueleto e asas de insetos. Agora, cientistas do Instituto Wyss para Engenharia Biológ Rating:
Você está aqui:Home » Meio Ambiente » Novo Bioplástico Biodegradável feito de Camarão

Novo Bioplástico Biodegradável feito de Camarão

Novo Bioplástico feito de Inseto e Camarão

Quitina, um biopolímero, é um material resistente, leve, que compõe o exoesqueleto e asas de insetos. Agora, cientistas do Instituto Wyss para Engenharia Biológica Inspirado na Universidade de Harvard desenvolveram uma versão artificial da cutícula do inseto chamado “Shrilk ‘que é tão forte como o alumínio, mas com apenas metade do peso.

A Cutícula do inseto é um material bastante versátil.

A cutícula de insetos sintético é feita de quitina que é obtido a partir de resíduos de cascas de camarão. Ao variar o nível de humidade durante o processo de produção, a rigidez do material pode ser variada, permitindo que os produtos sejam flexíveis ou rígidos.

Uma vez que é biodegradável sua gama de utilidade é bem ampla, o Shrilk também está sendo testado na área médica, incluindo a utilização nas suturas que precisam de ser particularmente fortes. Também está sendo testado como um material alternativo de baixo custo e biodegradável para objetos como sacos de lixo e embalagens.

[Fonte][Imagem]

Sobre o autor

Apenas alguem em busca de uma vida sustentável, um mundo mais feliz, que respeite a natureza e que use a tecnologia em beneficio de todos, principalmente da vida.Veja mais artigos de

Número de entradas : 1518
Voltar para o topo