Como obter maior economia de energia com a lâmpada correta Reviewed by Vida sustentável on .   Apesar do elevado volume de chuvas, o horário de verão começa à zero hora do dia 19 de outubro ( segunda-feira), para os Estados das regiões Sul, Sudeste   Apesar do elevado volume de chuvas, o horário de verão começa à zero hora do dia 19 de outubro ( segunda-feira), para os Estados das regiões Sul, Sudeste Rating:
Você está aqui:Home » Economia » Como obter maior economia de energia com a lâmpada correta

Como obter maior economia de energia com a lâmpada correta

maior economia de energia com a lâmpada correta

 

Apesar do elevado volume de chuvas, o horário de verão começa à zero hora do dia 19 de outubro ( segunda-feira), para os Estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. A iniciativa, que deve proporcionar uma economia de aproximadamente 2.000 MW segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico, é uma importante ocasião para despertar a consciência ambiental junto ao consumidor brasileiro.


No que se refere à iluminação, que corresponde a 14% do consumo doméstico de energia elétrica, a simples mudanças de hábitos e cuidados na escolha do produto correto são pequenos detalhes que podem impactar na redução das despesas mensais.

O especialista em iluminação da Golden, Leandro de Barros, orienta o consumidor a adotar a luz natural e buscar um equilíbrio entre ela e luz artificial para obter a economia de energia. Mas ressalta que “embora a adoção de vidro ajude na propagação da luz, a mesma transparência durante o verão pode impactar no calor e por sua vez na utilização de aparelhos de ar condicionado”.

Considerando a diversidade de modelos e características das lâmpadas disponíveis no mercado, a empresa de iluminação Golden recomenda os seguintes cuidados para uma compra correta, propiciando a economia de energia e a redução de custos:

1- Não escolher um produto pelo preço. A aparente economia proporcionada no ato da compra não proporciona necessariamente economia durante a vida útil do produto.

2- Observar o tipo de tecnologia. Lâmpadas com tecnologia mais antiga iluminam menos, consomem mais energia e tem vida útil pequena. Já as lâmpadas fluorescentes compactas, por exemplo, proporcionam mais luminosidade, economizam 80% de energia e duram até 750 horas por ano, o que equivale a 8 anos de vida útil.

3- Atentar para a potência. Uma lâmpada com mais potência gasta mais energia, o que significa uma conta de luz mais alta no final do mês. Com menor potência, a lâmpada fluorescente reduz seu consumo de energia em até cinco vezes, com uma economia de mensal de R$ 2,70 em sua conta de luz por ponto. Com a economia financeira gerada nesta substituição, o investimento inicial feito na compra da lâmpada se paga em apenas três meses. Faça o teste adotando uma lâmpada fluorescente compacta de 15W no lugar de uma incandescente de 60W

4- Analisar a durabilidade do produto identificada no rótulo. No caso das lâmpadas fluorescentes compactas você só se preocupará com a troca a cada oito anos, ao passo que ao longo deste tempo efetuará oito trocas se optar pela incandescente.

5- Conhecer o impacto na sua conta de luz. Saiba que o desempenho de uma lâmpada leva em consideração a quantidade de energia elétrica que consome e o tempo. Este pequeno cuidado pode proporcionar uma economia de R$ 134 durante toda a vida útil de uma lâmpada. Economia financeira ao longo da vida da lâmpada.

Perfil: A Golden é especializada em iluminação residencial, comercial, industrial e pública e atua no mercado brasileiro desde 1990. A empresa, que desde 1998 não fabrica lâmpada incandescente porque direcionou todos os seus produtos à conservação de energia, dá continuidade a esta diretriz institucional com a retirada gradual do mercado de produtos menos eficientes. Hoje, 85% da linha de produtos da Golden é considerada eficiente, com produção em unidades fabris no exterior e distribuição feita por uma ampla rede em todo o território nacional.

Associada a Associação Brasileira de Importadores de Produtos de Iluminação (Abilumi), a Golden se orgulha de ter mais de 100 itens com a etiqueta ENCE no mercado. Para 2009 a empresa prevê um crescimento de 20%, fruto do investimento em tecnologia e do lançamento de 50 produtos que aliam o foco na sustentabilidade e na estética, para dar maior versatilidade na aplicabilidade e cumprir o papel ambientalmente responsável que cabe a uma empresa de iluminação.

[Fonte]

Voltar para o topo